Introdução – O que é Bootstrap?

Assim como como o termo “Googling” se tornou praticamente um novo verbo, o mesmo aconteceu com a ferramenta que vamos conhecer nessa nova série de artigos: O Bootstrap.

“Bootstraping” é uma metáfora para inicialização. E com esta ideia de originar algo novo, nasceu o Bootstrap, com intuito de ser um framework focado em front-end.

As principais linguagens que podem ser trabalhadas com Bootstrap são: Css, Html e JavaScript. Existe hoje uma grande demanda para desenvolvedores e web-designers com conhecimentos em Bootstrap. Daí ser cada vez mais a ferramenta que cresce em aceitabilidade e importância no contexto da programação web, e também a motivação para criarmos uma série de artigos dedicados.

O que é Bootstrap?

 

Trata-se de um framework para desenvolvimento web, principalmente de sistemas. O Bootstrap é conhecido por ser uma ferramenta que torna o desenvolvimento front-end muito mais rápido e fácil. Indicado para desenvolvedores de todos os níveis de conhecimento, dispositivos de todos os tipos e projetos de todos os tamanhos.

Também é um ambiente que ajuda no ramp-up de desenvolvedores back-end, que costumam não ter tanta familiaridade com conceitos de navegação, design de front-end e conhecimentos gráficos. Assim, é uma importante ponte entre os times de back-end e front-end.

Você sabia ?

 

Em agosto de 2010, Mark Otto, um desenvolvedor do Twitter, fez um anúncio inédito de uma ferramenta que prometia ser uma grande quebra de paradigma. Um artigo publicado no blog oficial do Twitter foi usado para dar a notícia, um sinal de que o gigante da internet poderia apoiar a ideia.

Junto com Jacob Thornton, Mark Otto lançou o hoje tão conhecido, Bootstrap. Uma grande curiosidade neste contexto todo de inovação, é que os desenvolvedores do Twitter, antes do Bootstrap, tinham uma certa falta de padrão na utilização de suas ferramentas.

Como esperado isto trazia problemas de inconsistência, e com tal pluralidade, dificuldades de integração de projeto, escalabilidade (se fosse necessário expansão da aplicação) e da manutenção dos projetos criados por diferentes desenvolvedores da equipe.

Para tornar os processos mais enxutos e eficientes, além de evitar a utilização de muitos estilos diferentes de trabalho, o Bootstrap acabou sendo adotado e dando origem a mais uma opção no mercado de ferramentas para desenvolvimento web.

O Bootstrap foi apresentado pela primeira vez na Twitter Hackweek de 2011, onde saiu exatamente a sua primeira versão estável para uso.

Porque utilizar o bootsrap?

 

Para entendermos melhor as vantagens do Bootstrap, é importante compreender que o coração da framework é nada mais do que um CSS criado com LESS, ou seja, com um pré-processador voltado para a geração de stylesheets padrão CSS. O set de templates do Bootstrap oferece uma grande  variedade de folhas de estilo básicas que são usadas como base das páginas HTML.

Vamos relembrar que LESS e SASS são pré-processadores, isto é, são linguagens criadas para acrescentar novas features ao seu CSS sem comprometer a compatibilidade entre diferentes browsers. Compatibilidade é um ponto chave.

Ambas, LESS e SASS, são capazes de oferecer uma vasta gama de funcionalidades tais como:

  1. Declarações CSS aninhadas;
  2. Variáveis para valores de propriedades CSS;
  3. Operadores e funções para declaração de cores.

 

Uma vez compilado via LESS ou SASS, o retorno é uma folha de estilos pura, cuja implementação na aplicação é bem intuitiva e simples. O Bootstrap aproveita toda a flexibilidade e possibilidades dos pré-processadores LESS e SASS de forma transparente e amigável.

Outro benefício é que não há imagens, Flash ou JavaScript adicionais, somente folha de estilos(stylesheet), a partir das quais o desenvolvedor cria seu projeto.

Nos próximos artigos, vamos abordar questões de sintaxe, uso prático e principais componentes da linguagem. Acompanhe e não perca os próximos conteúdos!  

E aí? Curtiu o artigo? Então deixe seu comentário!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.